Início do conteúdo

13/10/2021

Fiocruz receberá doação de terreno no Rio de Janeiro para ampliar pesquisas

CCS/Fiocruz


A Fiocruz receberá do governo federal, através do Ministério da Economia, a doação de um imóvel na Avenida Brasil (sentido Zona Oeste). O terreno localiza-se em frente ao campus Manguinhos e, atualmente, já é ocupado por diversas atividades institucionais, consolidando-se como área de Expansão do Campus Manguinhos. A decisão de doação foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) em 4 de outubro. O contrato de doação está previsto para ser assinado pela presidente da Fiocruz e o Superintendente do Patrimônio da União no Rio de Janeiro no final do mês de outubro.

O terreno, avaliado em R$60,3 milhões, garantirá a ampliação da capacidade de atuação da Fiocruz, especialmente frente aos novos desafios provocados pela pandemia de Covid-19. Entre os empreendimentos que serão viabilizados na Expansão estão um Biobanco, que será entregue ainda em 2021; e o Centro de Pesquisa, Inovação e Vigilância em Covid-19 e emergências sanitárias, já contratado, com previsão de entrega para o segundo semestre de 2022.

Além destes empreendimentos, está em curso um projeto de revitalização de toda a área, com intervenções para melhorar as condições de urbanização e segurança; de oferta de melhores estruturas e serviços de alimentação; áreas para atividades educacionais; instalações para saúde do trabalhador; e requalificação da área destinada a atividades físicas.

Também faz parte do projeto a conexão entre os campi Manguinhos - Expansão por intermédio de uma passarela para trânsito de pessoas e carros elétricos. “Com essa doação, possibilitamos uma ampliação planejada de novas infraestruturas para atividades de pesquisa da instituição”, afirma a coordenadora-geral de Infraestrutura dos Campi da Fiocruz, Ana Beatriz Cuzzatti.

Voltar ao topo Voltar